Início / Alto Luxo / Jaeger-LeCoultre e amigos celebraram o cinema no Festival de Veneza

Jaeger-LeCoultre e amigos celebraram o cinema no Festival de Veneza

CEO da Jaeger LeCoultre Catherine Renier


A Jaeger-LeCoultre, parceira oficial do Festival Internacional de Cinema de Veneza pelo 14º ano consecutivo, recebeu convidados da indústria cinematográfica para jantar no Venetian Arsenal para celebrar a arte cinematográfica, ao apresentar uma exposição retrospectiva de 185 anos da Jaeger-LeCoultre.

Entre os convidados estavam David Cronenberg, Henry Cavill, Dakota Fanning, Daniel Brühl, Diego Luna, Stefano Accorsi, Milos Bikovic, Sarah Gadon, Fala Chen e Ming Dao.

Henry Cavill com o cronógrafo Jaeger-LeCoultre Polaris


Tendo sido fundamental na criação de mais de 50 filmes, David Cronenberg receberá esta semana o Leone d’Oro alla carriera – o prêmio anual de conquista do Festival Internacional de Cinema de Veneza, introduzido originalmente em 1969.

Sarah Gadon  e a CEO de Jaeger-LeCoultre Catherine Renier e o homenageado David Cronenberg


Para homenagear seu trabalho, CEO da Jaeger- LeCoultre Catherine Rénier e a atriz Sarah Gadon presentearam David Cronenberg com um Reverso Leone d’Oro alla carriera personalizado, gravado pela manufatura Jaeger-LeCoultre com um leão, símbolo de Veneza.

O 50º aniversário de um ícone

 

2018 marca o 50º aniversário do relógio de mergulho Polaris Memovox, famoso por sua elegância esportiva.
Os amigos da marca Jaeger-LeCoultre, Daniel Brühl, Henry Cavill, Diego Luna e….

Stefano Accorsi usaram relógios da coleção 2018 Jaeger-LeCoultre Polaris.

Dakota Fanning com o relógio Jaeger-LeCoultre 101 Feuille em ouro rosa


David Cronenberg usou o Jaeger-LeCoultre Polaris Date, que se assemelha ao design original do Polaris de 1968 graças ao seu mostrador Vanilla Super-LumiNovaTM, data às 3 horas, mistura de algarismos arábicos com marcadores em forma de trapézio, minutos da via férrea e a parte posterior da caixa gravada com um mergulhador. Na versão original, a gravação do capacete do mergulhador estava escondida no lado de dentro da caixa, conhecido apenas pelo usuário.

Fala Chen com o relógio Reverso One Duetto Jewelry de Jaeger-LeCoultre 

Ming Dao com o Jaeger-LeCoultre Reverso Duofac


185 anos de historia

Marcando o 185º aniversário da maison, a Jaeger-LeCoultre revelou uma exposição retrospectiva de relógios preciosos mostrando a prolífica história da manufatura. Desde seu inicio, a Jaeger-LeCoultre criou mais de 1200 calibres in-house, muitos dos quais alimentaram os relógios mais icônicos do mundo. A exposição especialmente curada incluiu raros relógios Jaeger-LeCoultre do século XIX ao lado de peças atuais das coleções Master, Reverso e Jaeger-LeCoultre Polaris, todas transportadas para a ocasião para Veneza a partir da fabricação Jaeger-LeCoultre em Le Sentier no Vallee de Joux, na Suíça.

Manufatura Jaeger-LeCoultre

A história do primeiro relógio Jaeger-LeCoultre começou em 1833. Nas montanhas suíças de La Vallée de Joux, os mestres relojeiros decidiram criar um relógio único, desenhado, construído e montado em um só lugar. Desde então, é pelas suas mãos que nascem nossos relógios, da definição do calibre à escolha da embalagem. Um produto feito sem pressa, para durar. Esse é o espírito artesanal.

Via |  Jaeger-LeCoultre

Sobre A Redação

Portal criado em 2000 e lançado em 2006, temos o maior conteúdo sobre o Mercado de Luxo e somos o maior da América Latina, com atualização de notícias diariamente. Publicamos milhares de artigos e pontos de vista em mais de 40 categorias de luxo.

Veja Também

Novo Hermès Cape Cod tem estilo arrojado abordando a feminilidade

Hermès Cape Cod ancora um estilo arrojado e aborda a feminilidade com impertinência. Neste grande …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *