Home / Fashion / Marc Jacobs Primavera-Verão 2019: As formas exageradas voltaram!

Marc Jacobs Primavera-Verão 2019: As formas exageradas voltaram!

Temporada após temporada, Jacobs está deixando claro: ele é um showman que não vai sacrificar seu tempo de palco para nada, como o poeta do século 19 de Ewan McGregor em Moulin Rouge!, acreditando em beleza e vivendo por amor, acima de tudo.

Se esse é o tipo de show que Jacobs quer colocar em cada temporada, quem somos nós para recusar um convite?

À semelhança daquilo que apresentou para o outono/inverno de 2018, o designer norte-americano voltou à década de 80 e às referências a nomes incontornáveis da indústria como Yves Saint Laurent e Karl Lagerfeld.

Jacobs se aproximou de sua coleção como uma extensão do outono “sem a agressão e alta em bonito.” Ele trabalhou em uma paleta gloriosa, principalmente pastel inspirada pelas pinturas de Genieve Figgis (cuja exposição “Flat Earth” abriu hoje à noite na Half Gallery) e materiais de tirar o fôlego, desde as mais delicadas sedas e rendas até plumas, lamés brilhantes, mega lantejoulas, tweeds – e um estalo de borracha amarela para um casaco.

As formas exageradas e de tamanhos desmedidos voltam para mais uma estação, fazendo deste o contraste perfeito para os coordenados mais definidos. Na verdade, apesar de todo o exagero da moda, a surpresa dessa coleção foi a riqueza de roupas que realmente deveriam ser usadas.

Os forros e as penas foram os acabamentos perfeitos para dar movimento aos vestidos mais fluidos desta coleção, que recebeu uma paleta de cores que combina na perfeição para a primavera/verão.

Sobre A Redação

Portal criado em 2000 e lançado em 2006, temos o maior conteúdo sobre o Mercado de Luxo e somos o maior da América Latina, com atualização de notícias diariamente. Publicamos milhares de artigos e pontos de vista em mais de 40 categorias de luxo.

Verifique Também

Cueca mais cara do mundo bordada com ouro 24k custa R$ 3.860

Se quisermos comparar, acho que ninguém duvidará do fato de que a roupa para as …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *