Home / Imóveis de Luxo / Mansão “Mirindaba House” de Marcio Kogan, em São Paulo

Mansão “Mirindaba House” de Marcio Kogan, em São Paulo

Mirindaba House 01

O arquiteto brasileiro Marcio Kogan projetou a Casa Mirindaba em São Paulo, Brasil. O imóvel é um exemplo impressionante de construção. Embora o imaginário e o discurso também sejam formas de fazer arquitetura, é a construção e o material que são mais diretamente associados à sua essência.

Os críticos inventaram as palavras “tijolo e argamassa” como sínteses de vários processos que envolvem a arquitetura no conhecimento humano. A construção antes de tudo, é um empreendimento intelectual projetivo: o projeto organiza a produção e elucida a criação.

A casa exibe a marca registrada de Kogan, formas de caixa de concreto elegantes e arejadas, revestidas de pedra e madeira brasileira, enquanto os espaços abertos jogam com a luz e desfocam as linhas entre o ar livre.

Mirindaba House 04

O desenho exige o conhecimento dos meios para realizá-lo, o conhecimento dos materiais e a execução prática, bem como o conhecimento da linguagem do desenho. Em uma boa construção, todos esses elementos são inter-relacionados, sem restrições.

A mansão batizada de Mirindaba House é um exemplo impressionante da construção com bom projeto e boa execução na construção desta peça da arquitetura. Os detalhes, exaustivamente e precisamente desenhados, são cumpridos em uma execução perfeita. O uso de materiais, a forma, a intenção do desenho, se materializaram silenciosamente, como pensamentos em uma placa de desenho. Cada pequeno ângulo da mansão foi deliberadamente pensado.

O trabalho qualificado tão meticulosamente pelos artesãos, deram finalmente peso, forma e cor à arquitetura. O projeto pode-se dizer, não é industrializado. Acima de tudo é um projeto com base na maioria das construções brasileiras, mas muitas vezes constituídas por componentes especiais e únicos, como foi nesta casa.

Mirindaba House 23

Imediatamente à direita, na entrada da casa, uma grande sala de estar se abre completamente, usando duas molduras de janela totalmente integradas na parede, criando ventilação cruzada e uma área de espaço contínuo totalmente livre.

Não há interferência estrutural neste espaço. A sala de estar abre para um delicado jardim de madeira com uma piscina refletora e uma vegetação mínima.

A perfeição da execução, o espaço surpreendentemente livre e contínuo e o jogo de volumes; invocam uma atmosfera cinematográfica. A materialidade construtiva se reuniu com uma arquitetura imaginária.

Mirindaba House 09

Um pequeno átrio articula as áreas restantes: um caminho para a sala de jantar e para a cozinha e, verticalmente para os outros lugares programados na casa. Na primeira parte estão as áreas íntimas e no segundo, uma área social mais reservada.

Mirindaba House 07

Mirindaba House 14

Nesta sala, duas grandes portas de madeira se abrem para um deck que de um lado, temos uma bela vista da cidade e por outro lado, uma vista do jardim que no andar de baixo foi prolongada da sala de estar. No andar de cima, a precisão do desenho e a execução impressionam criando uma atmosfera cinematográfica.

Arquitetos: Marcio Kogan
Localização: São Paulo, Brasil
Autora: Renata Furlanetto
Design de interiores: Diana Radomysler
Arquiteto paisagista: Renata Tilli
Empreiteiro geral: Lock Engenharia
Área: 832,0 metros quadrados
Fotografias: Nelson Kon

Via |  Studio MK27 Marcio Kogan

 


Confira mais fotos clicando na galeria abaixo



galeria-mirindaba-house

Sobre A Redação

Portal criado em 2000 e lançado em 2006, temos o maior conteúdo sobre o Mercado de Luxo e somos o maior da América Latina, com atualização de notícias diariamente. Publicamos milhares de artigos e pontos de vista em mais de 40 categorias de luxo.

Verifique Também

Burj Jumeira é o próximo arranha-céu que enriquecerá o horizonte de Dubai

A sempre crescente Dubai terá em breve um novo super arranha-céu unindo seu impressionante horizonte. …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *